Are you the publisher? Claim or contact us about this channel


Embed this content in your HTML

Search

Report adult content:

click to rate:

Account: (login)

More Channels


Showcase


Channel Catalog


Channel Description:

Tecnologia, dicas, música e tudo mais que for importante.

older | 1 | .... | 3 | 4 | (Page 5) | 6 | 7 | .... | 12 | newer

    0 0
  • 04/29/13--04:17: Opinião formada sobre tudo
  • 0 0
  • 05/03/13--04:30: Embrulha que é pra viagem
  • Tem coisas que nós só aprendemos quando acontece com a gente. Recentemente viajei a trabalho para Brasília e notei que esqueci de levar algumas coisas que são muito importantes. A ideia aqui não é fazer um checklist para viagens como tem no Efetividade.net (alias, vale a pena dar uma conferida), e sim lembrar de levar alguns itens não muito usuais.

    Pasta ou mochila pequena. Se você sai do hotel de manhã e só vai voltar a noite, isso é importante pois você pode guardar pasta de dente, fio dental, óculos, carteira, celular, tablet, etc.

    Fita crepe. Se você der azar e a barra da calça soltar, com fita crepe dá para aguentar uns dias.

    Barra de cereais. Afinal não é todo dia que você vai sair para jantar e além disso, os preços do hotel normalmente são proibitivos. Se você não gosta de barra de cereais, leve uma barra de chocolate.

    Livro. Na viagem anterior a essa, meu voo em Congonhas foi cancelado e tive que esperar 5 horas no aeroporto. Como as tomadas são disputadas a tapa é muito provável que a bateria do celular acabe se ficar usando direto. Aí, quando chegar no destino, é capaz de você não ter bateria para chamar o taxi.




    0 0

    A PRF agora está concentrando os radares em menos pontos, pelo menos nos horários que eu utilizo a BR 101. Os principais locais que eles colocam os radares são:

    • Nos postos da PRF, onde a velocidade é 60 km/h, em ambos os sentidos. O radar fica junto aos cones no meio da pista. É dífícil vê-lo.
    • KM 188, velocidade máxima de 100 km/h, em ambos os sentidos. Em São Miguel, próximo ao aqueduto.
    • KM 175, velocidade máxima 80 km/h, sentido norte. Logo após o rio Inferninho. Prestando atenção, é possível ver a viatura parada no acostamento, mesmo estando antes da ponte. Na imagem abaixo, o quadrado vermelho indica o local onde o radar fica instalado.
    • KM 159, velocidade máxima de 100 km/h, sentido norte. No final da reta, após a Cerâmica Portobello, junto à placa que informa pedágio a 1 km. O radar (quadrado vermelho, abaixo) fica no meio das pistas e a viatura (círculo vermelho, abaixo) fica no acostamento, às vezes, no outro lado da pista (sentido sul).


    0 0

    Existe uma pasta, denominada LOST.DIR no seu cartão SD. Como o próprio nome já diz, ela armazena arquivos órfãos e perdidos. Esses arquivos podem surgir em diversas situações como quando você remove o smartphone do cabo USB sem desligar a conexão no computador, por exemplo.

    Com o tempo essa pasta tende a ficar grande, alias, muito grande. Já vi casos de ter arquivos de mais de 1 GB. O bom é que é fácil recuperar esse espaço: basta deletar os arquivos desta pasta. 




    0 0

    Fiz o root no S3 sem maiores problemas (tutoriais existem aos montes, basta googlear). Mas fiz isso apenas para tentar resolver o problema do travamento do meu S3. Agora que está resolvido fui tentar remover o root.

    Para minha decepção, não é tão fácil. Ou até é, mas o problema é que você tem que baixar o firmware original novamente. Isso eu não quero, pois o aparelho vai ficar como veio de fábrica. Assim eu teria que reinstalar os aplicativos, configurar as telas, etc. Até existem alguns programas que dizem que exportam/importam suas configurações, mas não estou muito afim de testar. Afinal, se der errado pode ser até pior.

    Cheguei a encontrar um tutorial de como apenas remover o root (que é o que eu queria), mas nos comentários alguns usuários relatavam vários problemas. Além do quê, era um firmware diferente do meu, ou seja, a chance de dar problemas era maior.

    O principal motivo para remoção era o fato de que, como a ROM aparecia como modificada, a opção de atualização via OTA (Over The Air) não funcionava. Pelo que li, a atualização poderia ser feita via Kies, mas vai saber. Comecei então a procurar uma maneira de resolver isso.

    Foi aí que descobri que a Samsung colocou, a partir do S2, um flash counter. Dessa maneira, quando você coloca um novo firmware, o contador é incrementado. A partir daí quando você reinicia o aparelho, aparece na tela um triângulo amarelo ou algum outro aviso visual.

    Se fosse só isso, não seria um grande problema. Como já falei acima, o maior problema para mim, era a impossibilidade de realizar a atualização via OTA. Mas graças ao Chainfire com o aplicativo Triangle Away, é possível resolver isso. O Triangle Away desabilita o triângulo e zera o contador de flash ROM. Dessa maneira, seu aparelho continua com root e para a Samsung seu celular está normal.

    Observação 1. ESTA É UMA OPERAÇÃO PERIGOSA E PODE DANIFICAR SEU APARELHO. FAÇA POR SUA CONTA E RISCO!

    Observação 2. Durante a execução do aplicativo, meu aparelho parou na tela de Download Mode e fui obrigado a reiniciar. Mas tudo funcionou bem.

    Observação 3. Para verificar o status do dispositivo, vá em Configurações > Sobre o Dispositivo > Status. Agora o meu aparece como "Normal". Antes de executar o Triangle Away, aparecia como "Modificado".


    0 0
  • 05/16/13--04:15: Atalhos de pesquisa no Gmail

  • O Gmail tem um recurso que facilita muito as pesquisas. É uma espécie de atalho, onde você digita um determinado texto e ele troca por outro. Por exemplo, para pesquisar pelos emails que contêm vídeos você deveria digitar filename:(avi OR mov OR mpg OR mpeg OR mp4) OR youtube.com/watch, o que convenhamos não é muito fácil de lembrar. Esse recurso permite que você digite (no campo pesquisa, é claro) apenas has videos e o Gmail automaticamente troca pelo texto correto e executa a pesquisa.

    Além desse, existem outros atalhos para pesquisa, mas os principais são:
    has photos = filename:(jpg OR jpeg OR png)
    has documents = filename:(pdf OR doc OR xls OR ppt) OR docs.google.com OR spreadsheets.google.com

    0 0
  • 05/21/13--04:30: Royal Salute e provolone
  • Certa vez Huguinho* foi ao apartamento de sua namorada, Lalá, onde ela estava fazendo um trabalho de faculdade com alguns colegas (Huguinho conhecia alguns deles, pois sua irmã estudava junto).

    Enquanto terminavam o trabalho, Huguinho foi à cozinha comer alguma coisa, pois sabia que Lalá havia comprado queijo provolone. Apesar de estar uma delícia, faltava alguma coisa. O que combina que queijo provolone? Uísque, é claro! Olhando o bar, Huguinho com seus olhos altamente treinados, logo identificou o seu alvo: uma linda garrafa de Royal Salute. Juntamente com o namorado de sua irmã, abriram a garrafa e começaram a beber.

    Meia garrafa mais tarde, Lalá percebeu que Huguinho tinha aberto a garrafa de Royal Salute. O problema é que o uísque não era dela, era de sua tia. Tá certo, seria um problema mesmo se o uísque fosse de Lalá. É lógico que a festa acabou e que Huguinho levou uma bronca de Lalá. Mas Huguinho acalmou Lalá dizendo que iria resolver a situação, que sua tia não perceberia. Em sua mente já sabia o que faria. Os anos de conhecimentos adquiridos nos botecos finalmente valeriam alguma coisa.

    No dia seguinte, bem cedo (lá pelas 10:30), Huguinho acordou, passou numa farmácia, comprou uma seringa e voltou ao apartamento de Lalá. Lá chegando, se dirigiu ao bar, pegou uma garrafa de Old Parr, e pacientemente transferiu o conteúdo para a garrafa de Royal Salute.

    Dizem que Huguinho ainda tomou mais algumas doses antes de cometer o sacrilégio de misturar Old Parr com Royal Salute, mas ninguém sabe ao certo.

    * Huguinho é o mesmo da história da Melancia Atômica.





    0 0

    No longínquo ano de 1989, Huguinho fez 18 anos. Como é uma data importante para todo homem, Huguinho resolveu fazer um luau, na praia central de Balneário Camboriú (sim, faz tanto tempo que era possível fazer um luau em Balneário Camboriú, em pleno mês de fevereiro).

    Foram poucos convidados, apenas três casais. Ou quatro. Não lembro, quer dizer, Huguinho não lembra. A festa começou com a construção da fogueira, é lógico. A comida era a mais variada possível: batata doce, Bis, frutas, milho verde, etc. As bebidas eram água, refrigerante, vodka e cerveja.

    O luau estava legal, com todos em volta da fogueira, assando suas batatas (batata-doce assada e vodka, uma combinação perfeita), até que a fogo começou a diminuir. Prontamente, dois de seus amigos foram providenciar mais madeira. Cerca de 15 minutos depois, voltam rindo e com a metade de uma cerca uma boa quantidade de madeira para a fogueira. Afinal, tinham combinado que o luau só acabaria quando o Sol nascesse.

    Mas essa tranquilidade não durou muito, pois alguém teve a brilhante ideia de fazer "porradinha" para o aniversariante beber. Aliás, era para ser uma porradinha para cada ano de vida. Mas felizmente foram apenas nove, pois acabou a vodka!

    Passaram então para a cerveja, que graças ao isopor gigante que levaram, durou até o sol nascer. Foi aí que Huguinho e seu primo decidiram que estavam bem o suficiente para surfar. Tiveram que ir até o apartamento buscar as pranchas mas logo estavam no mar. Mas valeu a pena. Como o mar estava enorme (pelo menos aos olhos dos dois), ao remar, as ondas encobriam o Sol. Dizem que rolaram até alguns tubos.

    No fim, uma sessão de surfe inesquecível para um dia inesquecível...

    Mais histórias do Huguinho:
    Royal Salute e Provolone
    Melancia Atômica


    0 0

    Se você está entre RS e SC e ver uma placa com os dizeres "Fiscalização Eletrônica de Velocidade", tire o pé do acelerador, pois logo depois é bem provável que você veja um desses:

    Na verdade tem uns 10 radares fixos no sentido sul e outros tantos no sentido norte. Esses radares estão entre Palhoça (SC) e Terra de Areia (RS). Portanto, fique atento.

    0 0
  • 06/06/13--04:30: Que smartphone eu compro?
  • De vez em quando alguém me pergunta qual smartphone eu recomendo. Infelizmente não recebo (ainda) smartphones para testar. Por isso, quando faço uma indicação é somente baseado no que leio. E uma coisa que eu sempre faço é sempre buscar mais de uma fonte (vai que jsutamente a matéria que li é de um cara que é pago para falar bem do produto!?).

    Dito isso, eis a lista dos smartphones (Android) que eu recomendo:

    • Samsung Galaxy S4. 
    • Sony ZQ
    • LG Nexus 4
    • Motorola Razor Maxx
    • LG Optimus G

    Mas a lista é só para ter uma base, pois diversos fatores devem ser observados na hora de adquirir um smartphone: preço, armazenamento, peso, tamanho, resolução, bateria, processador, RAM, etc. O que eu escrevi para os tablets (se não tudo, a maior parte), pode ser aplicado para os smartphones.

    0 0

    Já falei sobre os indícios de dependência de tecnologia, mas quando vi duas pesquisas (veja aqui e aqui) que falam que um grande número de pessoas leva o celular para o banheiro, me vi obrigado a voltar ao assunto, pois isso é muito aderente ao quarto indício: nunca se separe do seu gadget.

    Apesar das pesquisas divergirem (e muito), imagino que o percentual de pessoas que levam o celular para o banheiro seja alto, uns 50% eu diria. Tem pessoas que olham isso para o lado negativo, acham nojento, etc. Eu prefiro ver o lado positivo da coisa: ficar olhando pros ladrilhos é um tempo perdido, então nada melhor que usá-lo nem que seja apenas para passar o tempo. Afinal, nada melhor que passar de fase enquanto estamos no banheiro, não? Ou ver o último capítulo de sua série favorita. Ou ver vídeos educativos...

    Realmente eu não acho isso nada de mais (levar o celular para o banheiro). Pior é aquele não tem condições financeiras mas tem sempre o último modelo do iPhone. É que podemos considerar como o quinto* indício de dependência de tecnologia: "Manter seu gadget atualizado". Apesar de aparentemente ir contra o segundo indício (achar que o seu gadget é melhor que o dos outros), manter seu gadget atualizado é quase uma obrigação, é como se viesse uma cláusula no contrato:

    "É imprescindível a troca deste aparelho após 3 (três) meses de uso ou 5 (cinco) mil teclas pressionadas ou 100 (cem) recargas da bateria, o que ocorrer primeiro". 
    Só para informar: estou com o meu S3 há mais de um ano! Enfim, cada um sabe onde o calo aperta.

    * Veja os outros indícios no artigo Indícios de dependência de tecnologia.





    0 0
  • 06/12/13--04:30: Greve no transporte
  • Não poderia deixar de comentar sobre a greve no transporte que atinge a região de Florianópolis. Nem vou comentar o fato de ser a 14ª nos últimos 14 anos. Como ouvi na CBN: "Já faz parte do circuito de eventos de Florianópolis".

    Devido a adesão maciça dos motoristas e cobradores, nenhum ônibus circulou nos últimos dias. Com isso as pessoas tiveram que tirar seus carros da garagem. Claramente o principal problema é o maior número de carros circulando, o que causa mais engarrafamentos.

    Mas além disso, surgiu um outro problema: algumas pessoas não tem a mínima, repito, a MÍNIMA, condição de dirigir. São pessoas despreparadas, imprudentes e desatenciosas. Alguém uma vez disse que certas pessoas não foram feitas para dirigir. Pior que estava certo.

    Por sorte, a greve acabou e coincidentemente, hoje não encontrei nenhum desses motoristas!

    0 0
  • 06/14/13--04:24: Sinais da idade
  • Ontem fizemos um churrasco e notei que estou ficando velho. Depois de tomar as seis cervejas que levei, passei para a Coca-Cola. Antigamente JAMAIS faria isso. Eu falaria que é coisa de velho.

    Outro ponto que observei é que antigamente eu também tomava seis cervejas mas a garrafa era de 600 ml e não de 355 ml. Sinais da idade.

    0 0

    Será que sou só eu que percebi? Já notaram que agora que todos (figura de linguagem, é claro) têm um celular com câmera decente, o número de relatos de OVNIs diminuiu, quando o normal seria aumentar?


    0 0

    Caso você tenha que recarregar o seu smartphone no meio do dia, as dicas a seguir podem ser úteis. Mesmo que não seja o caso, eu considero qualquer ganho na duração da bateria algo válido.

    Enquanto não descubro um aplicativo como o modo stamina do Sony ZQ, o jeito é desabilitar a sincronização automática dos seus aplicativos. Eu fiz isso no Gmail, Twitter, Facebook e Exchange. Em cada aplicativo a configuração é feita de uma maneira (mas são muito parecidas entre elas). Por exemplo: no Facebook, entre em Configurações, localize a opção Intervalo de atualização e escolha uma das opções a seguir: 30 min / 1 hora / 2 horas / 4 horas / Nunca. Eu marquei a opção Nunca

    Dessa maneira, o aplicativo não vai ficar constantemente verificando (e usando sua rede de dados) sua conta. Em contrapartida, você não vai receber as notificações com tanta frequência. No caso de desabilitar a sincronização ou o intervalo de atualização, você não vai mais receber as notificações. Pessoalmente, não acho um problema ficar sem receber as notificações, pelo contrário, isso diminui as distrações.

    Caso essas dicas ainda não sejam o suficiente, você pode fazer como o pessoal do ITWorld. Eles basicamente sugerem que você remova os aplicativos como o Twitter e Facebook e coloque um atalho para o link do navegador. É meio radical, mas eu removi o Facebook e estou utilizando através do navegador. Além do ganho da bateria deu para notar uma melhora na performance. 

    Veja também:


    0 0
  • 06/19/13--04:20: App do dia: VejoaoVivo
  • Em tempos de manifestações populares, eis um aplicativo que pode ajudar um pouco: VejoaoVivo.

    Ele mostra as câmeras ao vivo de diversas cidades do Brasil. Como diz o próprio aplicativo: "Veja sua cidade preferida, praias, condições das ondas e a situação do trânsito nas rodovias, 24 horas por dia!".

    Algumas cidades de Santa Catarina...

    Notei que algumas câmeras não funcionam, mas não sei se é um problema passageiro ou não. Ou até mesmo pode ser um problema da câmera, que não está enviando imagens. 

    Olhar as imagens antes de sair de casa ou do trabalho, pode ajudar a evitar vias congestionadas. Hoje cedo já fiz isso.
    Imagem da Via Expressa, em Florianópolis.

    0 0

    Estava dirigindo durante jogo Brasil e Uruguai, por isso fui obrigado a ouvir o jogo pelo rádio. Espero ter sido a última vez. Sempre ouvi que algumas pessoas abaixam o som da TV para não ouvir o Galvão. Ontem só não fiz isso porque era no rádio!

    Sintonizei três estações (AM) diferentes. Tudo farinha do mesmo saco. Para ter uma idéia, os repórteres de campo falavam mais que os narradores. Parece que esquecem que não estamos vendo (para isso existe um aparelho novo, chamado TV). 

    Teve um momento que passou mais de um minuto sem falar nada, repito, nada do jogo. Outro problema é que ficam o tempo todo fazendo piadinhas sem graça.

    Quando saiu o primeiro gol, o narrador parou de falar, tomou fôlego e disse algo como: "Que lindo!". Ora bolas! Foi gol? Não foi? Não quero saber se foi lindo, quero saber se foi gol! Alias, o gol não foi lindo, foi feio, mas vale igual. Falando nisso, pela descrição do repórter, dá a entender que o Fred chutou de propósito daquele jeito (tirando a bola do zagueiro) - que nada, a bola bateu na canela! O próprio Fred disse que se acerta o chute o zagueiro tirava, pois estava muito próximo.

    Enfim, se alguém souber de alguma estação que preste, me avise! 

    0 0
  • 06/27/13--08:30: O cansaço e as multas
  • Querem ver como o cansaço é prejudicial no trânsito?


    Depois de seis anos dirigindo todos os dias pela BR 101, em março recebi minha primeira multa. Um mês depois, recebi outra. E hoje provavelmente vou receber outra, pois nem vi a que velocidade passei no radar do morro do Boi, em Balneário Camboriú. E isso, com certeza, não é coincidência. O motivo disso é cansaço, sono e falta de atenção. 

    Por motivos profissionais, desde de fevereiro de 2013, estou precisando acordar às 05:20 para trabalhar. Some-se a isso o fato de minha filha ainda acordar de madrugada e eu ter que dirigir 160 KM por dia e pegar dois congestionamentos diários. 

    Felizmente isso está para acabar e vou voltar a ter um horário de trabalho "mais normal". 

    0 0


    No artigo Estendendo a duração da bateria eu falo do modo Stamina do Sony ZQ. Só agora lembrei que o Samsung S3 também tem algo parecido. É o aplicativo Economia de energia, que ativa uma conexão rápida a cada trinta minutos quando o aparelho está inativo. Já dá para quebrar o galho.



    0 0

    Não estou surpreso pelo fato do governo brasileiro se mostrar surpreso que o Brasil é alvo de espionagem. Isso mostra a coerência do governo: "Não sei de nada, não vi nada.".

    Inclusive, mostra também, que o país não tem nenhum serviço de contra-espionagem ou se tem não funciona.

older | 1 | .... | 3 | 4 | (Page 5) | 6 | 7 | .... | 12 | newer